Matérias · Primeiro Ano

Cinesioterapia I – Propriocepção

2014_beleza_bem_estar_porpriocepcao_cia_athletica

Olá, tudo bem?

Estive um pouco ausente aqui no blog devido as provas parciais, seminários, trabalhos e provas regimentais, mas, estou de volta (e de férias! o/). Como citado no título, o assunto de hoje é propriocepção.

Propriocepção, também chamada de cinestesia, é a capacidade em reconhecer a localização espacial do corpo, sua posição e orientação, a força exercida pelos músculos e a posição de cada parte do corpo em relação as demais. Este tipo específico de percepção permite a manutenção do equilíbrio postural e a realização de diversas atividades práticas. Receptores nervosos:

  • Interoceptores ou visceroceptores: localizados nas vísceras e nos vasos, informam fome, sede, dor visceral e o prazer;
  • Exteroceptores: localizados na pele, informam calor, frio, dor, entre outros;
  • Proprioceptores: localizados nos músculos, tendões, fáscias, ligamentos e cápsulas. Responsáveis pela percepção da posição do corpo, permitindo sem o auxílio da visão, situar uma região do corpo ou perceber seu movimento.

Os proprioceptores determinam um equilíbrio entre as forças agonistas e antagonistas, emitem sinais aos centros superiores que nos transmitem informações sobre a direção, força e a velocidade dos movimentos. Além disso, protege as articulações, pois, é uma atividade reflexa em movimentos inesperados/bruscos.

As informações sobre modificações micromecânicas da articulação, deverão ser rápidas e corretamente transmitidas ao sistema nervoso central para que funcionalmente sirva para:

  • Proteger as articulações de comprometimentos devido a movimentos excessivos;
  • Determinar um equilíbrio entre forças agonistas e antagonistas;
  • Participar na elaboração de uma imagem somatossensorial  (condição que permite experimentar sensações nas partes distintas do corpo humano. Podem ser sensações de tato, temperatura, da posição das partes do corpo ou da dor).

A realização de exercícios de propriocepção é muito importante, não apenas para melhorar o equilíbrio e os movimentos precisos do corpo, mas também para evitar a piora de lesões esportivas, ensinando o corpo como se movimentar para proteger a área afetada.

A reeducação proprioceptiva deverá ser iniciada a partir do momento em que ocorrer: cicatrização completa da lesão; notar a regressão do quadro doloroso; quando a ADM estiver completa para que os exercícios sejam capazes de abranger toda a amplitude e paciente apresentar um mínimo de força muscular para realizar os exercícios com segurança.

A técnica consiste em gerar um desequilíbrio calculado para que ocorra uma contração muscular oposta ao movimento solicitado e os exercícios devem seguir uma progressão relacionada com o grau de dificuldade que se quer impor. Exemplo de técnica para propriocepção do joelho: ficar de pé e levantar o pé do lado contrário ao joelho lesionado, mantendo essa posição por 30 segundos e repetindo 3 vezes. A dificuldade do exercício pode ser aumentada colocando-se os braços para cima ou fechando os olhos.

joelho4

Até o próximo post, beijos! ❤

 

Referências:

http://www.tuasaude.com/propriocepcao/

Imagem: http://www.meon.com.br/variedades/gente/beleza-1/propriocepcao-o-seu-corpo-no-tempo-e-no-espaco

Imagem propriocepção joelho: http://www.espacoemmovimento.com.br/mckenzie/joelho.html

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s